Escola de Formação e Criação do Ceará

Fotos-Micaela_Menezes-36 (1)

Alunos do CTD da Escola Porto Iracema das Artes comemoram o Dia Internacional da Dança com a Mostra MOVA-SE

Fotos Micaela Menezes 36 1

Foto: Micaela Menezes

Em alusão ao Dia Internacional da Dança, integrantes do Curso Técnico em Dança, da Escola Porto Iracema das Artes, promovem o MOVA-SE. O evento gratuito acontece no dia 29 de abril, às 18h30, no Teatro B. de Paiva 

Em alusão ao Dia Internacional da Dança, celebrado no dia 29 de abril, a mostra MOVA-SE, apresenta, neste primeiro ano de curso, o andamento dos trabalhos realizados pelos alunos do Curso Técnico em Dança (CTD), evento no qual os integrantes apresentarão as suas propostas criativas em uma montagem coletiva que conta com a direção do dramaturgo potiguar, Alexandre Américo e do artista Pedro Vitor.  O curso tem vínculo direto com a Escola Porto Iracema das Artes – equipamento da Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM). 

Sobre Alexandre Américo

Artista e Pesquisador da Dança com Licenciatura em Dança e Mestrado pelo PPGARC, ambas pela UFRN. Hoje é atuante na área da investigação em Arte Contemporânea, com enfoque em estruturas performativas, improvisação e seus desdobramentos dramatúrgicos. Foi aluno especial de Doutorado em Estudos da Mídia, UFRN (2021) e Direção Artística da Cia Giradança (2018-2023), Natal-RN. Atualmente é direção artística da Corpo Mudança (Fortaleza-CE) e se interessa, também, pelos estudos da Cripstemologia (teoria aleijada) junto a artistas DEFs da periferia de Natal-RN.

Sobre Pedro Vitor

Pedro Vitor Cunha de Queiroz é um artista multimídia e ativista cultural, que atua no cenário cultural de Natal, Rio Grande do Norte, desde o ano de 2019, propondo intervenções nas plataformas cinematográficas, audiovisuais e na linguagem da dança. Atualmente é graduando do curso de Comunicação Social com ênfase em Audiovisual na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Na dança, atua como diretor da obra “Bípede Sem Pelo” (Alexandre Américo, 2023), assistente de direção e dramaturgia da peça “Muximba” (Giradança, 2023), dramaturgista, figurinista e pesquisador na obra “Chão” (CDTAM, 2023), e colaborador de pesquisa na obra “Sal” (Giradança, 2023). No cinema, foi assistente de direção do curta-metragem “Elas não podem parar” (Nós.Doc, 2022), e diretor, produtor e montador do documentário “Ocupa!” (Coletivo Gamelera, 2021). Foi cocriador do projeto “Ocupa Ribeira”, realizado através de parceria do Coletivo Gamelera e o Espaço Giradança (2023).

Sobre o CTD

O Curso Técnico em Dança (CTD), certificado com nota máxima pelo Conselho Estadual de Educação, é uma experiência que nasceu em 2005, no Instituto Dragão do Mar (IDM), e já se consolidou no Ceará, sendo referência para o resto do País. É Integrado à Porto Iracema das Artes desde a fundação da Escola, em 2013. Já saíram do CTD nomes como o da dramaturga Andrea Pires, o corpo de baile da banda Mateus Fazeno Rock, Daniel Pisamiglio (dramaturgo/coreógrafo), Acauâ Shereya (dramaturgo/coreógrafo), Breno Caetano (dramaturgo/coreógrafo), Edmar Cândido (dramaturgo/coreógrafo), Silvana Marques (Coordenadora do Programa de Dança do Centro Cultural Bom Jardim), além de Katiana Pena (bailarina, coreógrafa e diretora geral do Instituto Katiana Pena).

Sobre a Escola

A Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, instituição da Secretaria da Cultura (Secult) gerida em parceria com o Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há dez anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

SERVIÇO

O quê: Mostra MOVA-SE – Curso Técnico em Dança
Onde: Teatro B de Paiva – Hub Porto Dragão (rua Boris, nº 90)
Quando: 29 de abril de 2024 (segunda-feira), às 18h30

Gratuito e indicado para maiores de 12 anos