Porto Iracema realiza aula aberta sobre a representação da mulher indígena na história da arte brasileira com a pesquisadora Sandra Benites

A atividade, gratuita e aberta ao público, faz parte das ações propostas na atual edição do Laboratório de Artes Visuais da Escola

Na quinta-feira, 28 de abril, às 19h, a Porto Iracema das Artes, escola de formação e criação do Governo do Estado, instituição da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult) gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM), realiza a aula aberta “A representação da mulher indígena na história da arte brasileira sob o olhar de uma mulher Guarani Nhandeva”, com a antropóloga, pesquisadora e curadora de arte, Sandra Benites.

A aula, que ocorre no auditório da Escola, é gratuita e aberta a quaisquer pessoas interessadas na discussão. Sandra Benites, doutoranda em Antropologia Social no Museu Nacional do Rio de Janeiro e curadora adjunta no Museu de Arte de São Paulo (MASP), explica que o encontro é uma oportunidade de diálogo e construção conjunta partindo de temáticas que discutem a ideia do indivíduo como parte do coletivo no fazer artístico.

A pesquisadora compõe, junto com Luciara Ribeiro e Beatriz Lemos, a equipe de mediadoras que acompanham a Temporada Formativa da 8ª edição do Laboratório de Artes Visuais da Porto Iracema. No período de 25 a 29 de abril, Benites realiza o primeiro módulo presencial do processo Formativo na Escola.

Sobre Sandra Benites

Sandra Benites Guarani Nhandewa é Mestra em Antropologia Social pelo Museu Nacional/Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Curadora adjunta de arte Brasileira no Museu de arte de São Paulo (MASP) e atualmente doutoranda em Antropologia Social pelo Museu Nacional/UFRJ.

Sobre a Escola

A Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação do Governo do Ceará, instituição da Secretaria da Cultura (Secult) gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há oito anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

SERVIÇO

O quê: Aula aberta sobre a representação da mulher indígena na história da arte brasileira com a pesquisadora Sandra Benites
Quando: 28 de abril, quinta-feira, às 19h
Onde: Auditório da Escola Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160, Praia de Iracema).
Gratuito

Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Texto: Gabriela Moraes (estagiária), com supervisão e edição de Marina Solon (jornalista) | Publicado em 19 de abril de 2022.